Esperança

Pai,
Por você a tempo espero.
Sentir teu calor,
Muito quero,
Mas você não aparece.

Pai,
Como seria bom olhar em teus olhos;
Ouvir da sua boca palavras de carinho;
Jogarmos bola;
Passearmos juntos…

Pai,
Onde quer que você esteja
Saiba que com ânsia
Tenho certeza
De um dia, pessoalmente,
Te chamar de pai.

Isaac Ribeiro


Tópicos Relacionados

One Thought to “Esperança”

  1. francisca carvalho

    que lindo isaac conheço a sua historia desde quando vc era criança vc ainda não realizou esse sonho? ainda bem que vc foi criado por pesso boas que quer o melhor pra você e você se tornou essa pessoa tão inteligente. quando você era criança você não tem norçaõ o quanto você era impocivel gostei muito do seu poema parabéns! muito bonito

    Responder

Deixe um Comentário

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.